Nova Era FM
Ouvir

Mulher é mantida em cárcere privado após tentar gravar ameaças de ex-companheiro que não aceitava fim de relacionamento

Caso foi registrado em Nova Rosalândia. Segundo a Polícia Militar, suspeito tentou resistir a prisão e foi autuado em flagrante por lesão corporal, sequestro e outros crimes. Polícia Militar do Tocantins

PM/Divulgação

Um homem de 29 anos foi preso após ameaçar, agredir e manter ex-companheira em cárcere privado. Caso aconteceu em Nova Rosalândia, região central do Tocantins. Segundo a Polícia Militar, o suspeito teria cometido os crimes por não aceitar o fim do relacionamento.

📱 Participe do canal do g1 TO no WhatsApp e receba as notícias no celular.

A equipe da PM foi informada que uma mulher estava sendo mantida em cárcere privado e pedindo socorro. Quando os militares chegaram no local, a vítima contou que o ex-companheiro estaria a ameaçando. Segundo a polícia, ela tentou gravar as ameaças, mas o suspeito percebeu, tomou o celular e a trancou em casa.

LEIA TAMBÉM

Suspeito de roubar celulares ameaçando vítimas com machadinha é preso após dois assaltos seguidos

Motorista que matou ciclista em faixa de pedestre e fugiu sem ajudar se apresenta em delegacia

Jovem morre após separar briga de casal e ser espancado, diz polícia

O caso foi registrado no sábado (22), na região central de Nova Rosalândia. A mulher ainda teria tentado fugir, mas o ex-companheiro impediu a jogando no chão. Ela teve escoriações na mão.

Conforme a PM, no momento da prisão foi necessário o uso da força após o suspeito apresentar resistência. Com ele foram encontradas sete munições calibre 9mm.

O homem foi levado à delegacia de Polícia Civil de Paraíso do Tocantins, onde foi autuado em flagrante pelos crimes de ameaça, lesão corporal, sequestro e cárcere privado, no âmbito da violência doméstica e também pelo crime de posse ilegal de munição de uso restrito.

Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.

NOTÍCIAS MAIS LIDAS